Consumidores em Busca da Saúde

1 12 2009

 

Com o crescimento alarmante de índices de obesidade, não só infantil, mas em adultos também; pessoas cada vez mais estressadas e passando mais horas do seu dia sem tempo de ter uma alimentação correta ou fazer exercícios regularmente; a população tem, cada vez mais, tomado consciência da importância de ter cuidados com a saúde. Dessa forma, os consumidores, que possuem muitas ocupações e pouco tempo, buscam soluções práticas e eficientes que fazem bem para sua saúde, principalmente com relação à alimentação.

Devido ao crescimento da demanda do consumidor por produtos mais saudáveis, as empresas estão investindo na criação de novas linhas ou modificando a formulação acrescentando componentes mais naturais para seguir essa nova tendência. Além disso, muitas organizações estão mudando seu posicionamento, passando uma imagem de preocupação com a saúde e o bem-estar diário do consumidor. Por isso, a comunicação feita hoje pelas empresas, tem o intuito de mostrar essa preocupação como uma qualidade embutida em seus produtos, por exemplo: “bolacha rica em vitamina A e E”, “sem gordura – trans”, “rico em fibras e proteínas”. Outra modificação, é que esses tipos de informações nutricionais não são destacados apenas nos comerciais desses produtos, mas também nas próprias embalagens. Assim, no lugar de textos contendo essas informações em letras minúsculas, atualmente, se encontram em formatos chamativos e representam um diferencial do produto, sendo um ponto chave na decisão de compra desse cliente.

Segundo dados de uma pesquisa realizada pela Latin Panel, há 20% das donas de casa brasileiras demandam esse tipo de produtos devido a preocupação com a saúde da família. No entanto, do total desses consumidores, 74% são pertencentes às classes A e B. Um dos motivos é o preço mais elevado desses produtos no mercado brasileiro, ainda que sejam mais saudáveis, o preço ainda é uma característica relevante na decisão de compra. Porém, essa situação está começando a mudar no país com o aumento do poder de compra das classes C e D.

Todo esse cenário de pessoas mais preocupadas com o bem estar e a saúde,surgiu como uma nova oportunidade para essas empresas explorarem novas formulas, novos meios de interagir com o consumidor e de se posicionar. O Brasil também se apresenta com boas perspectivas para essa demanda, já que é grande produtor de matérias e produtos orgânicos, fazendo com que aumente os recursos dessas empresas para explorar cada vez mais esse setor no país.


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: